CVM absolve Joesley e Wesley Batista da acusação de insider trading

31 outubro 2023

Em maio desse ano, o órgão já havia formado maioria pela inocência dos empresários

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) do Brasil absolveu hoje (31) os empresários brasileiros Joesley e Wesley Batista da acusação de insider trading, uma prática que envolve o uso de informações privilegiadas para operar no mercado financeiro. Os irmãos Batista são acionistas da J&F Investimentos, o maior grupo empresarial do Brasil, que controla empresas como a JBS, a maior produtora de alimentos do mundo, o Banco Original, a Eldorado Celulose, a Âmbar Energia e a Flora.

Em maio, o colegiado já havia formado maioria pela absolvição, mas um membro da diretoria pediu vistas e proferiu o último voto nesta terça-feira, consolidando a absolvição dos empresários nas três acusações de insider trading. Em uma delas a decisão foi por unanimidade e em duas por quatro votos a um.

Para a J&F Investimentos “A decisão desfaz uma injustiça, atesta o pleno funcionamento das instituições no Brasil e reafirma a integridade das operações dos executivos e empresas do grupo J&F no mercado financeiro”